Pedro Piquet encara diversos desafios inéditos em Pau

Após conquistar primeiros pontos na F3 Euro na Hungria, bicampeão da F3 Brasil compete pela primeira vez de fórmula em pista de rua e com o irmão Nelsinho como adversário

Previous Image
Next Image

A terceira jornada da FIA F3 Euro neste fim de semana em Pau reserva alguns desafios inéditos para Pedro Piquet.

Desde sua estreia em carros de corrida em 2014, o bicampeão da F3 Brasil nunca acelerou um fórmula em circuito de rua. Ele tem 59 corridas com esse tipo de veículo no currículo, todas elas em autódromos.

O travado e tradicionalíssimo circuito urbano de Pau, na França, marca a estreia do mais jovem representante do clã Piquet numa modalidade de traçado onde a família tem história.

Foi nas ruas de Long Beach que o tricampeão Nelson Piquet obteve sua primeira vitória na F1, em 1980. No ano seguinte, também nas ruas de uma cidade norte-americana (Las Vegas), ele conquistou seu primeiro título mundial com a Brabham cujas cores inspiram o layout usado por Pedro no Brasil e na Europa.

Mais recentemente foi a vez de Nelsinho Piquet brilhar acelerando nas ruas. O irmão mais velho de Pedro Piquet conquistou o primeiro campeonato do mundo da FIA Fórmula E com vitórias nas ruas de Long Beach e Moscou no ano passado.

E é também uma das atrações do grid da FIA F3 Euro neste fim de semana em Pau. Será a primeira vez que Pedro tem o irmão como adversário em uma competição com carros de corrida.

“O Nelsinho vai correr em outra equipe esse fim de semana. Só competimos juntos de kart, pois no evento que fizemos de rallycross em Nova York ele estava em outra categoria. Acho que vai ser interessante. Ele vai poder ver o nível do campeonato, perceber o tanto que todos são muito bons. E será legal ver como ele vai conseguir se adaptar na F3 depois de alguns anos. A disputa promete”, afirmou Pedro, que tinha apenas seis anos de idade quando Nelsinho andou pela última vez com um carro de Fórmula 3, na conquista do título da F3 Britânica em 2004.

O piloto da Van Amersfoort Racing, que compete com patrocínio da Petrobras e apoio da Mercedes-Benz e Autotrac, teve apenas uma breve experiência em circuito de rua. Pedro tem 15 provas com carros de turismo na carreira, sendo 12 pela Porsche GT3 Cup Challenge Brasil, duas pela Porsche Supercup e uma pelo Mercedes-Benz Challenge. Foi justamente nesta última categoria, em parceria com Daniel Corrêa, que o brasiliense de 17 anos acelerou em pista de rua.

Em 2014 eles competiram de Mercedes C250 em Salvador. Largaram em segundo e terminaram em nono, quando o parceiro perdeu a traseira do carro em disputa pela liderança a duas curvas do final.

“A única vez que corri em rua foi em Salvador, mas era uma outra circunstância, com um carro muito diferente. Então, de fato, esta será a primeira vez porque realidade do fórmula é bem particular”, sustentou Pedro.

“Acho que vai ser muito legal, uma boa experiência. Como em toda pista de rua, o mais importante vai ser uma boa classificação. Vendo as corridas dos anos passados, deu para perceber que deve ser muito difícil ultrapassar em Pau. Então precisa acertar o quali dessa vez. É um fim de semana em que não pode haver muitos erros, mesmo nos treinos livres. Os treinos são de manhã, então se tiver um acidente no primeiro, possivelmente vai perder o segundo. E ainda temos previsão de chuva para o fim de semana inteiro. Então espero que seja bem difícil. E muito legal também”, acrescentou o piloto, que na última prova da rodada tripla da etapa passada, em Hungaroring, conquistou seus primeiros seis pontos na FIA F3 Euro, justamente debaixo de bastante chuva.

O Grand Prix de Pau foi disputado pela primeira vez em 1933 e tem entre seus vencedores nomes históricos do automobilismo mundial, tais como Juan Manuel Fangio, Jim Clark e Jochen Rindt.

O site oficial da FIA F3 Euro exibe todas as três corridas ao vivo.

A programação do fim de semana tem dois treinos livres na manhã de sexta-feira. O quali 1 começa às 8h45 (horário de Brasília) e o segundo quali, que define os grids das corridas 2 e 3, às 11h55. No sábado acontecem duas provas, com largadas às 5h35 e 10h10. A terceira corrida, no domingo, começa às 9h35.