De ponta a ponta, Pedro Piquet vence pela primeira vez em Interlagos, na Porsche GT3 Challenge

Constantino Jr. sai coroado de prova eletrizante da Porsche GT3 Cup e assume a liderança, na Cup Sport Eduardo Azevedo é o novo líder e Clemente Lunardi põe a mão no título da Master

Previous Image
Next Image

239120_453846_challenge__race__gp__20_O pódio do GP Brasil de F1 voltou a ter um Piquet na primeira posição pela primeira vez desde 1986. Aos 16 anos de idade, Pedro Piquet é o mais jovem vencedor da história da Porsche GT3 Cup Challenge, categoria que há uma década promove as preliminares da F1 em Interlagos. O campeão da F3 Brasil liderou todas as voltas da classe Challenge para conquistar a primeira vitória de sua carreira no autódromo paulistano. Na classe Cup o triunfo foi de Constantino Jr., que assumiu a liderança do campeonato.

“Estou muito contente pela vitória, minha primeira em São Paulo. Gostei muito de guiar o Porsche e do astral da categoria. Estão de parabéns pelo evento. Fico feliz por vencer na preliminar da Fórmula 1”, disse o piloto do carro #5 depois de descer do pódio ensopado de champanhe.

A pista amanheceu molhada, obrigando a direção de prova a dar a largada da Challenge com safety-car. Mesmo comboiados, alguns carros tiveram dificuldades em permanecer na pista até a formação de um trilho seco. Quando a bandeira verde foi acionada Pedro abriu vantagem sobre Henrique Assunção, que cruzou a linha de chegada em segundo lugar.

“Tentamos fazer o melhor. A pista estava um pouco complicada e secou praticamente nas últimas duas voltas. Não consegui acompanhar o ritmo do Pedro. Estava um pouco perigoso com o asfalto úmido e pneu slick. Consegui controlar a distância para o terceiro, e foi uma prova satisfatória”, contou o competidor do carro #75.

O terceiro colocado foi Elias Azevedo, que saiu de Interlagos muito contente por ter cravado a volta mais rápida da prova, impedindo o “grand chelem” de Piquet. Líder do campeonato da Challenge, Fabio Alves terminou em quarto e ampliou em dois pontos sua vantagem para Kreis Jr. na tabela de classificação.

O catarinense foi um dos destaques da prova, depois de largar em nono e protagonizar as principais ultrapassagens na parte final da sétima etapa da temporada. “Foi uma prova atípica. Apesar do ambiente incrível da F1 tivemos problemas, inclusive com acidentes sob safety-car”, avaliou o piloto do carro #71. “Mesmo largando atrás estava preocupado em ganhar terreno no pouco tempo que tivemos de bandeira verde e fico contente por ter passado quatro carros em sete minutos, o que me deu a condição de ir pro pódio. É um momento muito importante da minha carreira subir no pódio da Fórmula 1 e ouvir o Hino Nacional”, acrescentou.

Constantino Jr. assume a ponta na Cup
A sensação de “quero mais” deixada pelo fato de mais da metade da prova da Challenge ter sido realizada sob regime de safety-car logo foi solucionada, com a corrida da Porsche GT3 Cup. Disputada com a pista bem mais seca, a prova da principal divisão foi uma das mais emocionantes da temporada, desde a luz verde.

Largando na pole, o bicampeão Ricardo Rosset tracionou mal e acabou engolido por três adversários. Constantino Jr aproveitou brecha por dentro, Eduardo Azevedo se posicionou bem em meio à confusão, enquanto Pedro Queirolo fez excelente manobra por fora, saltando do sexto no grid para a vice-liderança.

“Foi bacana a largada. Vinha de primeira marcha e, quando vi o sinal, acho que os outros não aceleraram tanto. Então arrisquei por fora. Queria ter saído do S em primeiro, mas o Constantino me apertou na segunda perna, então me restou persegui-lo. O carro era bem rápido no início, mas depois sofri um toque e perdi um pouco de rendimento, comprometendo o final da minha corrida. O Ricardo Baptista me surpreendeu com um ataque no final da reta oposta e tive que ceder a posição para evitar a colisão. Saio contente com o terceiro lugar”, afirmou o piloto do carro #13, que avançou de oitavo para sétimo na classificação geral.

O pódio foi completado por Daniel Schneider em quarto e Clemente Lunardi em quinto lugar. O piloto do carro #77 foi o melhor na classe Cup Sport, enquanto o competidor do carro #7 venceu na classe Master.

“Ganhar a Master é uma coisa fantástica, mas todos entramos querendo a principal. Mesmo sendo mais velho a gente ainda tem essa pretensão. O campeonato da principal ficou muito difícil. Então tenho sentimentos mistos: alegria pela Master mas decepção pela minha performance na principal”, disse Lunardi, protagonista de uma das disputas mais acirradas do dia contra Maurizio Billi no S do Senna. “O Billi é muito limpo e é prazeroso disputar com um piloto como ele. É esta emoção que nos leva a correr”, acrescentou.

Na Cup Sport, Eduardo Azevedo é o novo líder. Mas também não saiu 100% satisfeito. Ele ocupava a terceira posição quando deu uma escapada da pista Retornou e terminou em nono lugar. “Poderia estar mais alguns pontos à frente do Gil Farah na Sport e no pódio da geral. Mas sem dúvida é legal sair de Interlagos em primeiro.”

Também satisfeito pela liderança -na classificação geral-, Constantino Jr. sustenta que sua tática precisa ser a mesma nesta reta final de temporada, para repetir o título de 2011.

“Hoje eu queria aproveitar a oportunidade e felizmente ela veio logo na largada. Talvez não tinha ritmo para segurar os dois Ricardos (Rosset e Baptista) e acima de 200 km/h meu carro vibrava muito. Então virei o suficiente para ficar à frente e trabalhar com regularidade”, afirmou o recordista em vitórias na Porsche GT3 Cup Challenge (agora com 35). “Vamos disputar o título até a última prova. Estamos pensando no campeonato desde o princípio mas a categoria é muito parelha e não adianta pensar em ser conservador na reta final. O campeonato será de quem errar menos. Eu já tive meus problemas neste ano e ele teve os dele, inclusive hoje”, avaliou o dono do carro #00.

A Porsche GT3 Cup volta a Interlagos em três semanas, na preliminar de outro evento FIA, as 6 Horas de São Paulo, etapa de encerramento do Campeonato Mundial de Endurance. A Challenge retorna apenas na etapa de encerramento da temporada, no dia 13 de dezembro no Velo Città.

Porsche GT3 Challenge – etapa 7:

  1. #5 P. PIQUET 11 Voltas em 27:10.336
  2. #75 H. ASSUNÇÃO a 6.156
  3. #21 E. AZEVEDO a 8.762
  4. #63 F. ALVES a 19.829
  5. #71 KREIS JR. a 22.423
  6. #19 T. FILHO a 28.342
  7. #93 G. ONI a 32.745
  8. #00 R. KASTROPIL a 32.819
  9. #51 O. MESQUITA a 33.235
  10. #53 R. TONI a 40.336
  11. #20 A. SILVA a 41.848
  12. #13 D. ROCHA a 45.361
  13. #12 M. SARCINELLA a 55.781
  14. #14 A. FANTOZZI a 62.811
  15. #50 R. ALCARAZ a 65.093
  16. #16 M. BASSO a 89.905
  17. #65 F. SAMPAIO a 9 voltas
  18. #55 C. COELHO a 9 voltas
  19. #15 C. GERMANO a 9 voltas
  20. #58 J. GOMEZ a 11 voltas

Porsche GT3 Cup – etapa 7:

  1. #00 C. JUNIOR 17 Voltas em 27:39.911
  2. #27 R. BAPTISTA a 1.908
  3. #13 P. QUEIROLO a 5.830
  4. #77 D. SCHNEIDER a 7.039
  5. #7 C. LUNARDI a 7.193
  6. #3 F. GIAFFONE a 10.254
  7. #15 M. VISCONDE a 15.677
  8. #34 M. BILLI a 16.982
  9. #88 E. AZEVEDO a 18.119
  10. #9 G. FIGUEIROA a 21.984
  11. #18 C. AMBROSIO a 22.864
  12. #8 R. OMETTO a 24.310
  13. #36 C. REED a 29.102
  14. #1 R. ROSSET a 36.448
  15. #52 R. POSSES a 38.072
  16. #17 M. STALLONE a 38.586
  17. #71 R. HANASHIRO a 39.556
  18. #63 S. RIBAS a 40.871
  19. #14 P. DEMPSEY a 41.674
  20. #20 C. SILVEIRA a 46.052
  21. #99 T. VALLE a 7 voltas
  22. #81 G. FARAH a 8 voltas
  23. #10 A. BAPTISTA a 9 voltas

Porsche GT3 Challenge – classificação:

  1. Fabio Alves 196
  2. Kreis Jr. 182
  3. Otávio Mesquita 140
  4. Ronaldo Kastropil 129
  5. Guto Oni 87
  6. Rodrigo Mello 81
  7. Tom Filho 72
  8. Edu Guedes 69
  9. Alex Silva 60
  10. Henrique Assunção 58
  11. Rodolfo Toni 57
  12. Dú Rocha 50
  13. Elias Azevedo 50
  14. Caê Coelho 46
  15. Marcello Sant’Anna 42
  16. Marcelo Franco 40
  17. Christian Germano 38
  18. Marcello Sarcinella 36
  19. Jorge Gomez 32
  20. Alexandre Fantozzi 29
  21. Marcio Basso 27
  22. Renato Benedetto 26
  23. Rodrigo Souza 25
  24. Pedro Piquet 20
  25. Kiko Leão (POR) 17
  26. André Marques 12
  27. Ramon Alcaraz 10
  28. Paulo Costa (POR) 9
  29. Ricardo Kastropil 9
  30. Neto Bolzan 6
  31. Paulo Pomelli 6
  32. Mayara Bianchi 4

Porsche GT3 Cup – classificação:

  1. Constantino Jr. 171
  2. Ricardo Rosset 163
  3. Clemente Lunardi 127
  4. Ricardo Baptista 118
  5. Marcel Visconde 103
  6. Pedro Queirolo 95
  7. Eduardo Azevedo 85
  8. Gil Farah 79
  9. Daniel Schneider 73
  10. Franco Giaffone 64
  11. Rodolfo Ometto 59
  12. Tom Valle 39
  13. Adalberto Baptista 39
  14. Maurizio Billi 39
  15. Gui Affonso 30
  16. Roberto Posses 26
  17. Carlos Ambrósio 26
  18. Sérgio Ribas 21
  19. Rodrigo Hanashiro 14
  20. Guilherme Figueirôa 13
  21. Charles Reed 11
  22. Marcelo Franco 8
  23. Marcelo Stallone 7
  24. Carlos Silveira 3

Cup Sport – classificação

  1. Eduardo Azevedo 69
  2. Gil Farah 65
  3. Daniel Schneider 62
  4. Franco Giaffone 59
  5. Rodolfo Ometto 54
  6. Adalberto Baptista 41
  7. Carlos Ambrósio 33

Cup Master – classificação

  1. Clemente Lunardi 91
  2. Maurizio Billi 55
  3. Roberto Posses 47
  4. Sérgio Ribas 45
  5. Gui Affonso 42
  6. Tom Valle 41
  7. Marcelo Stallone 37
  8. Guilherme Figueirôa 34
  9. Carlos Silveira 19
  10. Charles Reed 19