Pedro Piquet compete pela segunda vez no tradicional Grande Prêmio de Macau de Fórmula 3

Piloto brasileiro defende novamente a Van Amersfoort numa das pistas mais desafiadoras do mundo nas ruas da cidade-estado na Ásia

Previous Image
Next Image

Pedro Piquet encara neste fim de semana um dos grandes desafios para os pilotos de Fórmula 3 do mundo todo, o tradicional Grande Prêmio de Macau. A pista montada nas ruas da cidade-estado na Ásia tem 6.120 e dois trechos distintos, um formado por retas longas e largas e outro apertado, com curvas fechadas.

Será a segunda participação de Pedro na corrida. Em 2016, ele terminou a bateria final na nona colocação, depois de ter conseguido um forte ritmo de corrida e boas ultrapassagens. Este ano, o brasiliense volta a defender a equipe Van Amersfoort Racing.

Apesar do bom ponto de ultrapassagem no fim do retão principal, negociar uma posição é muito difícil, portanto as posições de largada serão fundamentais, até porque cada uma das duas baterias, a classificatória e a principal, terão apenas dez voltas.

A programação começa na madrugada de quinta-feira, com um treino livre e a primeira classificação, e na sexta haverá a repetição dessas atividades. No sábado, a partir de 0h20 (de Brasília), será disputada a corrida classificatória, cujo grid será decidido pelos tempos dos treinos classificatórios dos dias anteriores.

A corrida principal, cujo grid será definido pelas posições da prova classificatória, tem sua largada prevista para as 5h30 (de Brasília), e o defecho desta bateria decidirá o resultado final do Grande Prêmio de Macau.