Cinto de segurança volta a tirar Nelsinho Piquet da corrida, desta vez no e-Prix de Paris

Brasileiro da Jaguar saiu dos boxes sem estar bem preso no cockpit e teve de recolher o carro por questões de segurança

Previous Image
Next Image

O brasileiro Nelsinho Piquet teve de abandonar o e-Prix de Paris da FIA Fórmula E, neste sábado, mais uma vez por causa de um problema na fixação do cinto de segurança durante a troca de carros, na altura da metade da corrida.

Após chegar nos boxes quando estava em 15º lugar, o piloto da Panasonic Jaguar Racing entrou no segundo carro, mas acabou ficando solto dentro do cockpit e foi obrigado a recolher aos boxes por questões de segurança.

Antes, Nelsinho fez uma boa corrida de recuperação após largar no fim do grid por não ter disputado a classificação devido a um acidente no treino livre. Piquet Jr. ganhou posições na primeira metade da corrida, mas, com o problema no pit stop, ficou sem marcar pontos.

Depois da corrida em Paris, Nelsinho ocupa a sétima posição na classificação geral, com 45 pontos. O primeiro campeão mundial da categoria de carros elétricos volta a acelerar pela Jaguar daqui a duas semanas, no e-Prix de Berlim (Alemanha).

No próximo fim de semana, Piquet Jr. corre a rodada dupla de Londrina da Stock Car.

 

O que disse Nelsinho Piquet:

“A Jaguar fez um bom trabalho para recuperar o carro a tempo de disputar a corrida. Mas infelizmente pela segunda corrida seguida fiquei solto dentro do carro. Agora é pensar na próxima etapa”